1 de janeiro de 2010




Recordo todas as migalhas que me deste, com sabor a um tão pouco mas tanto, terminando sempre a linha do meu pensamento, com um ... porquê?



Lembro tudo o que te dei, que mesmo que tenha sido pouco, foi porque não deixaste te dar mais, mas dei com sabor a amor, e termino o meu pensamento com um... como é possível?



Vagueio nas memórias das sensações que me causaste, ainda palpitando com emoção, mas calmando-me por dentro com um... não mereço!



Desfolho as páginas do Book of Love, que fiz com trechos dos nossos email´s , e fecho-o com um... para ti, é impossível ter sido verdade!



Moio e remoo, piso e repiso , não consigo fazer com que pare de doer assim, é mais forte que eu, não consigo deixar de pensar como um... como é que és tanto.... vira um... como és assim para mim??




Como num só dia, foste o melhor e o pior , para mim!




Como consegues, me fazer palpitar desta maneira, tremer de alegria, me fazer quase largar tudo e ir a correr atrás de ti, e de um momento para o outro, ficas cruel para comigo!


Levas-te por um mal entendido, uma má interpretação tua, e disparas contra mim!



Desconfias de mim, apontas-me defeitos que não tenho, tenho muitos certamente, mas não o que me fazes sentir!


Não sou vulgar, nem premeditada, muito menos falsa ou maldosa, não tenho segundas intenções, o meu maior defeito é te amar, e tu não saberes o que é isso, nem para receber, muito menos para me ofereceres .




Doeu tanto, o que me fizeste sentir!




Dói tanto, o que estou a passar!




Esperei tanto por ti, por um simples beijo...




Quando estiveste tão perto, empurraste-me para tão longe, de forma tão cruel, tão dura, tão falsa...




Sinto que me pintas de negro e arranjas histórias em tudo e por tudo, para que seja a tua verdade e a maneira mais fácil, de teres motivos válidos para ti, para me tirares de vez da tua vida...




Não precisava ser assim, podias pensar que me magoas muito mais do que aquilo que mereço, por simplesmente... te amar assim...

14 comentários:

Sonhadoremfulltime disse...

Um espaço mágico de um sentir mágico.

Parabéns

rui disse...

Lita... Näo consigo comentar este teu trabalho tao sentido ..
escrito de uma maneira que se nota Pura.. conduziste as palavras ao sabor dos dias que vives-te este Amor.

Te desejo um ano 2010 muito bom
muito obrigada por teres passado pelo meu blog e desejo-te as maiores felicidades e que continues a escrever da forma que escreves...
Um beijinho.....fica bem
Rui

Cris Morena disse...

Feliz 2010 minha querida ,que este ano possa nos trazer,novas esperanças e alguém que vai-la apena se amar.

Um grande abraço.

Luz disse...

Lita,
Como revejo neste texto tanto do meu sentir. Curiosamente tenho um texto que ainda não postei que aborda o mesmo tema. Como é possível darmos tanto de nós e, de um dia para o outro serem o pior para nós...

Bjo de Luz e um Feliz 2010

Mél disse...

Palavras demasiado sentidas, neste teu texto, para conseguir comentar.
Espero que a viragem do ano seja um ponto de começo para uma nova vida, com novos caminhos e novas pessoas a caminharem contigo ao teu lado.
Feliz 2010. :)
*****

Luz disse...

Lita,
passei de novo por aqui para dizer que tens um mimo para ti no meu animalucemia, podes ir buscar quando quiseres.

Bjnhs de Luz

Transcendente disse...

Desejo a continuação de um ano Feliz :)

Vento disse...

Há diversos caminhos a percorrer ao longo da nossa existência, temos sempre a possibilidade de optar, no entanto há momentos em que dizer adeus torna-se necessário.

Beijo

Secreta disse...

Tão sentidas palavras... tocam-me profundamente.

anjuh negruh disse...

Desde já quero agradecer a visita e os parabéns ao meu blog! Espero que apareças lá mais vezes...
Quanto ao teu texto, conseguiste exprimir-te duma forma intensa, imagino que tivesses mesmo a sentir aquilo, pena que seja pelas piores razões...mas vais ver que isso vai passar, mais cedo ou mais tarde passa...
Força! E que 2010 seja um ano intenso mas pelas melhores razões!

Beijos
Anjuh Negruh

☆ Feitio'zinho ☆ disse...

Obrigada pelos comentarios.

Tenho andado um pouco ausente mas sempre que posso faço sempre um post para todos os leitores.

Obrigada pelas visitas ;)

Um beijO*

Feitio´Zinho

saudade disse...

Quando amamos sem ser-mos correspondidos, por vezes isto acontece....
Deixa que o tempo cure as feridas e tenta ser feliz...
Saudade

A Palavra Mágica disse...

Lita,

As palavras escritas em primeiro de janeiro certamente são de sentimentos do ano anterior.

Que 2010 te traga a paz, a esperança e um grande amor.

Beijos!
Alcides

sonho disse...

Lita...se doi...mas que se pode fazer quando os sentimentos não são retribuidos...o melhor mesmo é dar tempo ao tempo...só ele podera acalmar essa dor...
Beijo d'anjo